Conheça as Cidades Paulistas: Dados , Regiões e Cidades> Região de Araçatuba
 
 
    Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais!Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais! Clique aqui para saber mais!  
Adquira este mapa / Get this map here Adquira este mapa/ Get this map here
 
    A Região:

Apresenta oferta abundante de energia elétrica para as atividades empresariais. Possui uma excelente
infraestrutura de transportes de carga, com caráter multimodal: porto fluvial, ramal ferroviário,
aeroporto regional e rodovias.

A Região Administrativa de Araçatuba, localizada a oeste do Estado de São Paulo compreende 43 municípios, com 673 mil habitantes - é uma das regiões paulistas menos povoadas, com 36,2 habitantes por quilômetro quadrado. Trinta municípios da região possuem menos de 10 mil habitantes e, em vários deles, a população reduziu-se ao longo da última década.

A região abriga um dos maiores complexos hidrelétricos do mundo, composto pelas usinas de Ilha Solteira, Engenheiro Souza Dias (no município de Castilho) e Três Irmãos (município de Pereira Barreto). Essa infra-estrutura faz com que a região seja responsável pela geração de 47% da energia no Estado.

 
    Cidades da região: 43 cidades
 
Andradina
Castilho
Guaraçai
Ilha Solteira
Itapura
Lavínia
Mirandópolis
Murutinga do Sul
Nova Independência
Pereira Barreto
Sud Menucci
Suzanápolis
Alto Alegre
Araçatuba
Auriflama
Avanhandava
Barbosa
Bento de Abreu
Bilac
Birigui
Braúna
Brejo Alegre
Buritama
Clementina
Coroados
Gabriel Monteiro
Gastão Vidigal
General Salgado
Glicério
Guararapes
Guzolândia
Lourdes
Luiziânia
Nova Castilho
Nova Luzitânia
Penápolis
Piacatu
Rubiácea
Santo Antônio do Aracanguá
Santópolis do Aguapeí
São João de Iracema
Turiuba
Valparaíso
 

Dica: Acesse aqui a TABELA DE DISTÂNCIAS ENTRE AS CIDADES DESTA REGIÃO, uma boa conveniência para quem quer planejar sua blitz comercial ou mesmo visitar de forma planejada as cidades de cada região.

 
    Transporte:
Araçatuba é a sede da região administrativa e está no centro geográfico da hidrovia Tietê-Paraná, onde se localiza o Porto Fluvial Pio Prado. O município é servido pela linha tronco Bauru – Corumbá - Bolívia e por um aeroporto regional. A infra-estrutura de transportes na Região de Araçatuba é das melhores do país, com característica multimodal: possui um porto fluvial na Hidrovia Tietê-Paraná, ramal ferroviário ligando a região a Região Metropolitana de São Paulo e ao Porto de Santos, aeroportos regionais (nos municípios de Araçatuba e Andradina) e rodovias que se conectam aos maiores mercados consumidores do Estado (sendo a principal a SP-300).
 
    Economia:

A economia da região é marcada pela importância da agropecuária e pelo bom desempenho da indústria. A Região de Araçatuba é responsável por 7,6% da produção agropecuária do Estado. A atividade industrial é pequena, gerando apenas 0,6% do valor adicionado da indústria estadual. A confecção de artigos de couro se destaca, com 18,7% do valor adicionado estadual.

Apesar de não ser uma região que possui muitas riquezas, oferece boa qualidade de vida aos seus moradores. Isso devido à elevada participação das atividades agropecuárias e da geração de energia elétrica na economia. Até a década de 50, a pecuária foi a principal atividade econômica da região, depois substituída, em grande parte, pela lavoura de cana-de-açúcar. Destaca-se também a produção de carne bovina, leite e abacaxi. A Região de Araçatuba é responsável por 7,6% da produção agropecuária do Estado.

Atualmente, a economia local é impulsionada tanto pela produção agropecuária como pela indústria. As principais indústrias pertencem aos setores frigorífico, metalúrgico, calçadista, moveleiro, laticínios, açúcar e álcool, confecções e instrumentos cirúrgicos. Birigui é um dos mais importantes municípios fabricantes de calçados infanto-juvenis. A atividade industrial é pequena, gerando apenas 0,6% do valor adicionado da indústria estadual. A fabricação de alimentos e bebidas é a maior responsável pela geração de valor adicionado e a segunda na geração de emprego na região. A dinâmica industrial está ligada principalmente à produção pecuária, que faz de Araçatuba a "capital do boi gordo". A indústria de preparação e confecção de artefatos de couro é a que mais emprega. A indústria de álcool combustível também é relevante na região.

A produção regional de carne bovina, leite e cana-de-açúcar corresponde, respectivamente, a 16,7%, 15,5% e 7,4% do total do Estado. Destaca-se ainda a produção de abacaxi, que equivale a 83% do total paulista.

 
    Educação:

Em escolaridade, a região situou-se em nível bastante superior ao do total do Estado, tendo quase 10 mil estudantes matriculados em seus sete estabelecimentos de ensino superior. As principais unidades de ensino e pesquisa são:

• Universidade Estadual Paulista - Campus de Araçatuba;
• Universidade Estadual Paulista - Campus de Ilha Solteira;
• Centro Paula Souza.

 
    Principais Cidades:
• Andradina
• Araçatuba
• Birigui
• Ilha Solteira
• Penápolis
 

Os mapas apresentados aqui, são de caráter informativo e estão sujeitos à confirmação.
É proibida a reprodução destas imagens, exceto com autorização fornecida pela Opy Editora Ltda.

Fontes consultadas:  investimentosSP • DER

 
Sites do Portal   Sites do Portal
 
ìndice de Mapas temáticos   Mapas temáticos de São Paulo
 
Twitter OPYCidades
Mapas Temáticos de São Paulo