ORIGEM DO NOME DA CIDADE
   
Timburi (tupi): Nariz, bico, focinho. A cidade nasceu devido a um crime. O casal Francisco Ferreira dos Santos e Maria Prudência de Oliveira morava em Ouro Fino, no Estado de Minas Gerais. Eles cometeram um crime por volta de 1800 e iniciaram uma caminhada, fugindo da Polícia. Ao chegar à região do rio Itararé e Paranapanema, estabeleceram-se no município e fundaram Timburi, nome de uma árvore, cuja madeira era utilizada para a produção de barcos e canoas, existente em grande quantidade no local.
 
DESTAQUE
 

ARTESANATO & CARTILHA

Por Jarbas Favoretto*
 

A cidade de Timburi tem a sua Casa do Artesão e presta o necessário apôio aos artesãos da cidade com um local adequado para expor os seus produtos e facilitando a exibição para os turistas.
Também merece elogios a criação por parte da sua Coordenadoria

 

Municipal de Turismo de uma “Cartilha de Educação Turística”. Os alunos de todos os graus, bem como o comércio em geral, têm onde ler sobre a importância do Turismo, a História do Município e a Educação Ambiental. Programe uns dias de sua folga nessa região.

 
* Presidente da Amitur - Associação dos Municípios
de Interesse Cultural e Turístico
 
 
CURIOSIDADES
 
Aguardando histórias e curiosidades.
 
HISTÓRIA
 
 

Por volta de 1800, um casal de mineiros, procedente de Ouro Fino, passou por Jaú e chegou à região onde se situa o município de Timburi, erguendo uma cabana, próxima aos rios Itararé e Paranapanema. Passados mais de 50 anos, uma família mineira, de Alfenas, formou nessas terras um retiro para criação de porcos.

Seus descendentes fizeram a doação de uma área destinada a constituir um patrimônio eclesiástico, construindo

 

uma capela e dando início à formação do povoado denominado Retiro.

Em 21 de agosto de 1903, o núcleo foi elevado a distrito do município de Piraju, com o nome de Santa Cruz do Palmital e, em 5 de outubro de 1916, passou a se chamar Timburi. Em 24 de dezembro de 1948 foi elevado a município.

 
Fonte: Fundação SEADE - 2006
 
GASTRONOMIA
 
  Aguardando receitas típicas ou tradicionais desta cidade.  
 
HINO

 

Não há hino cadastrado.

 
 
BENS TOMBADOS
   
Esta cidade não possui, atualmente, bens tombados.
 
 
Galeria
 
Bandeira
 
 
Brasão