ORIGEM DO NOME DA CIDADE
   
Reginópolis (híbrida, portuguesa e grega): A 500 metros do rio Batalha, na região de Bauru, era a Vila do Batalha. O nome atual ao se emancipar de Pederneiras, em 3 de abril de 1949, homenageia a padroeira da cidade, Nossa Senhora Rainha dos Anjos. Reginópolis significa Terra de Regina ou Terra de Rainha.
 
DESTAQUE
 

Aguardando matérias e pautas.

 
 
CURIOSIDADES
 
Aguardando histórias e curiosidades.
 
HISTÓRIA
 
 

Antigo patrimônio da “Rainha dos Anjos da Batalha” formado em 1922, a cidade foi fundada por um padre chamado Jeremias e seu sobrinho, José do Pinho Nogueira, que, acompanhados de um grande número de índios catequizados, desbravaram agreste da região, fixando-se nas margens do Rio Batalha.

Em 13 de dezembro de 1922, foi criado o distrito do município de Pederneiras, com o nome de Batalha que, em dez anos teve duas transferências: em 27 de dezembro de

 

1924, para Iacanga e, em 28 de maio de 1934, para Pirajuí.

Em 10 de novembro de 1937, sua denominação foi alterada para Reginópolis. Voltou a se chamar Batalha em 30 de novembro de 1938, mas, a partir de 30 de novembro de 1944, passou definitivamente a Reginópolis. Adquiriu autonomia político administrativa em 24 de dezembro de 1948.

 
Fonte: Fundação SEADE - 2006
 
GASTRONOMIA
 
  Aguardando receitas típicas ou tradicionais desta cidade.  
 
HINO

 

Não há hino cadastrado.

 
 
BENS TOMBADOS
   
Esta cidade não possui, atualmente, bens tombados.
 
 
Galeria
 
Bandeira
 
 
Brasão