ORIGEM DO NOME DA CIDADE
   
Pongaí (tupi): Sua fundação data de 1913, como povoado que passou a se chamar Saltinho. Emancipou-se politicamente de Pirajuí, com o nome atual, em 24 de dezembro de 1948. A partir de 1927, voltou a chamar-se Pongaí (ponga = salto e i = pequeno), com já era tratada pelos índios Caingangues, Caiapós e guaranis que habitavam a região antes da civilização.
 
DESTAQUE
 

Aguardando matérias e pautas.

 
 
CURIOSIDADES
 
Aguardando histórias e curiosidades.
 
HISTÓRIA
 
 

O antigo povoado de Saltinho localizava-se na região habitada por tribos indígenas (das nações caingangues, caiapó, guarani e outras), que dominavam a faixa territorial de toda a vertente do Ribeirão Sucuri e, ainda, os córregos da Onça e Porto Alto, confluentes da margem esquerda do Tietê.

Apesar da resistência indígena, por volta de 1868, os primeiros homens brancos se fixaram nessa área.

José Cândido Carneiro, proprietário de terras que utilizava mão-de-obra indígena em sua produção agrícola, e

 

José Lopes de Morais, outro grande proprietário, desempenharam papel fundamental no desbravamento e povoamento inicial do município de Pongaí.

Em 19 de dezembro de 1927, foi criado o distrito com a denominação de Pongaí (em tupi, “rio barulhento”), no município de Pirajuí.

Obteve autonomia municipal em 24 de dezembro de 1948.

 
Fonte: Fundação SEADE - 2006
 
GASTRONOMIA
 
  Aguardando receitas típicas ou tradicionais desta cidade.  
 
HINO

 

Não há hino cadastrado.

 
 
BENS TOMBADOS
   
Esta cidade não possui, atualmente, bens tombados.
 
 
Galeria
 
Bandeira
 
 
Brasão