Twitter da Prefeitura de Mongaguá |

 
 
ORIGEM DO NOME DA CIDADE
   
Mongaguá (tupi): Lama pegajosa, visguenta. Os antigos moradores contavam que, em dias de chuva, o principal rio do lugar (hoje Rio Mongaguá) transbordava e suas águas se juntavam ao barro que descia dos morros, forjando um lamaçal. Nesse lugar foi construída a cidade, que surgiu como um bairro da cidade de Praia Grande. Em 3 de março de 1948 transformou-se em distrito e 10 anos depois, no dia 7 de dezembro, tornou-se município.
 

Mongaguá faz parte do
Circuito da Costa da Mata Atlântica.

Conheça aqui os roteiros do Estado!

 
DESTAQUE
 

Aguardando matérias e pautas.

 
 
CURIOSIDADES
 
Aguardando histórias e curiosidades.
 
HISTÓRIA
 
 

A área inicial de Mongaguá, situada entre os rios Monguagá e Aguapeú e habitada pelos índios guaranis, começou a ser percorrida em 1532 por colonizadores e missionários portugueses.

O local tornou-se pouso de viajantes que desfrutavam, sobretudo, da boa qualidade da água e da abundância de peixes.

A região, porém, só veio se desenvolver, de forma mais efetiva, no século XX como balneário.

 

Tornou-se distrito do município de Itanhaém em 24 de dezembro de 1948, com território formado pelo povoado de mesmo nome, acrescido de terras dos distritos sedes de Itanhaém e São Vicente.

Em 18 de fevereiro de 1959, foi elevado a município autônomo.

 
Fonte: Fundação SEADE - 2006
 
GASTRONOMIA
 
Aguardando receitas típicas ou tradicionais desta cidade.  
 
HINO

 

Não há hino cadastrado.

 
 
BENS TOMBADOS
   
Esta cidade não possui, atualmente, bens tombados.
 
 
Galeria
 
 
Publicidade
 
 
linha
 
Bandeira
 
 
Brasão
linha